Melhore o seu público-alvo com o direcionamento de público amplo do Facebook

    Melhore-o-seu-público-alvo-com-o-direcionamento-de-público-amplo-do-Facebook

    Está tentando alcançar um público maior com seus anúncios dinâmicos do Facebook? Recentemente, o Facebook lançou um upgrade que deve ajudá-lo a fazer justamente isto.

    Mais cedo neste ano, o Facebook fez mais alterações importantes à forma em que seus anúncios funcionam. Especificamente, o direcionamento para anúncios dinâmicos foi atualizado a fim de permitir que anunciantes atinjam novos públicos através da introdução do direcionamento de público amplo.

    Como funcionam atualmente os anúncios dinâmicos do Facebook

    Os anúncios dinâmicos do Facebook são projetados para exibir anúncios a públicos que anteriormente já demonstraram interesse no site do vendedor.

     

    Domine os anúncios dinâmicos do Facebook com as nossas 9 estratégias comprovadas

     

    Há três componentes primários que podem ser usados para configurar anúncios dinâmicos. Eles são os seguintes:

    • Catálogo de produtos – O catálogo de produtos é onde o varejista precisa fazer upload de um arquivo listando os produtos que deseja anunciar. Parecido com o Google, este catálogo também é chamado de feed de produtos e contém os atributos primários para cada item. Estes atributos podem incluir preço, disponibilidade e descrição, bem como URLs de produto e de imagem.

    produto-catálogo-facebook-anúncios-dinâmicos

    • Remarketing – Implementar o pixel do Facebook no seu site não só permite que você se direcione para pessoas que já visitaram o seu site, mas também melhora a sua percepção das interações delas no seu site.

    anúncios-dinâmicos-de-remarketing-pixel-do-facebook

    • Modelos de anúncios – Tratam-se de modelos que, quando criados, são preenchidos com produtos. A partir daí, você pode exibir uma determinada parcela dos produtos (até mesmo um só produto, caso queira) que deseja anunciar. Também é possível estabelecer parâmetros que permitem que os seus anúncios mostrem produtos diferentes para diferentes pessoas.

     


    Mudanças com o direcionamento de público amplo do Facebook

    A atualização do Facebook permite que os anunciantes vão além de simplesmente visar pessoas que já interagiram previamente com o site ou app do varejista. Agora, é possível se direcionar de acordo com o comportamento das pessoas, com base no conteúdo com o qual elas interagiram no Facebook ou caso tenham visto vários sites com produtos similares.

    Por exemplo, se uma pessoa esteve procurando vestidos online (não necessariamente no seu site), isto manda sinais para o Facebook de que esta pessoa pode ser parte de um bom público para anúncios de vestimenta. 

    Com isto, o direcionamento passa a ser mais do que o simples remarketing – agora, trata-se de avaliar o que o usuário pode estar querendo e a partir daí apresentar-lhe anúncios relevantes. Esta previsão também pode partir da atividade do usuário no Facebook, incluindo cliques, curtidas, etc.

     


    Direcionamento específico vs direcionamento amplo

    Direcionamento específico

    Quando você visa especificamente, você utiliza parâmetros que restringem as audiências para as quais os seus anúncios aparecem. Isto pode ser baseado em dados demográficos, interesse manifestado ou públicos (customizados ou parecidos). É frequente que o público do anunciante fique menor dessa forma, mas se tudo for feito corretamente, os anúncios passarão a ser mais relevantes para o público.

    Por exemplo, se você é um varejista de roupas de bebê de qualidade e de designer, pode ser uma boa ideia visar pessoas que acabaram de se tornar pais e que se enquadram na categoria “com bastante dinheiro”.

    redirecionamento-específico-para-anúncios-de-produtos-dinâmicos-do-facebook

    Direcionamento amplo

    Ao usar do direcionamento amplo, você permite que os algoritmos do Facebook encontrem novos públicos para os seus anúncios. Isto quer dizer que você não está mais restringindo o alcance do seu público. Isto é proveitoso em uma série de maneiras:

    • Consciência de marca (brand awareness): se você é um varejista relativamente desconhecido, este método de direcionamento pode ser usado para mostrar os produtos que você vende e comunicar a sua marca para novas pessoas.
    • Ganhe novos insights: após ter começado a administrar os seus anúncios desta forma, você pode conferir os insights e resultados para ver que pessoas foram alcançadas e como responderam. Algumas pessoas acabam se surpreendendo pelos tipos de pessoas que acharam seus anúncios e produtos atraentes. Também vale a pena considerar que o público que mais converte via anúncios do Facebook pode não necessariamente ser composto do mesmo tipo de gente que tipicamente converte ou compra diretamente.
    • Descubra quem você deve visar: no mesmo tom do ponto acima, se você não tem ideia de para quem direcionar seus anúncios, pode valer a pena usar o direcionamento de público amplo a fim de informar as suas decisões.

     


    Que tipo de varejistas de e-commerce ganham com isto

    Historicamente, os anúncios dinâmicos do Facebook têm sido mais apropriados para lojas maiores de e-commerce, dado que o maior tráfego que possuem lhes permite estabelecer listas de públicos. Isto tem sido um impedimento para quem tem quantidades de tráfego menores ou menor consciência de marca.

    Dado que a atualização permite que os varejistas encontrem novos públicos, ela tende a beneficiar tanto os sites de e-commerce menores quantos os maiores. Para os varejistas menores e com menos tráfego em seus sites, vira possível alcançar novas pessoas que geralmente estariam fora de alcance. Isto ajuda a promover os produtos a venda ao mesmo tempo em que fortalece a consciência de marca.

    Lojas maiores também têm o que ganhar, já que assim podem alcançar novos públicos que geralmente não interagiriam com elas e, assim, aumentar o alcance de seus produtos.

     


    Recomendações e práticas recomendadas

    Embora o direcionamento de público amplo ainda seja relativamente recente, há algumas práticas recomendadas que vale a pena seguir. Antes, porém, devemos notar que com qualquer nova função do Facebook, as coisas ainda podem mudar, entrando outras práticas em jogo.

    Direcionamento

    • Sim: Use direcionamento de alto nível com elementos como localização, demografia e língua. Você não quer reduzir drasticamente o seu público, mas ainda assim é necessário garantir que ele seja relevante.
    • Sim: Exclua pessoas que já compraram do seu site anteriormente – especialmente se o seu produto for de compra única. Você também pode definir esta restrição para um período de tempo após a compra – por exemplo, pode excluir pessoas que compraram nos últimos 90 dias. Isto é ideal para produtos que têm um período de uso limitado, tais como perfumes ou pó de proteína, já que assim você deixa o produto se esgotar antes de mostrar novos anúncios ao usuário.
    • Não: não exclua todos os visitantes do seu site. Isto pode parecer uma boa ideia quando você usa o direcionamento amplo, já que você está em busca de novos públicos. No entanto, o algoritmo do Facebook continua a aprender durante o desenrolar da campanha, e já foi notado que alguns visitantes do site no meio do público alvo é algo que pode ajudar o algoritmo a definir o público ao qual mostrar anúncios.

    Catálogo de produtos

    • Sim: Use um catálogo de produto grande (o Facebook recomenda um mínimo de 1000 produtos). Quando listas menores de produtos são utilizadas, os anúncios tipicamente são exibidos com menor frequência. Isto pode causar dificuldades quando você usa o direcionamento amplo para alcançar novos públicos.
    • Não: não anuncie produtos que não estão mais disponíveis. Lembre-se do que dizem: “a primeira impressão é a mais importante”. O mesmo se aplica aqui – se um novo cliente clica na sua página de produto e recebe uma notificação de erro ou de produto fora de estoque, pode ser difícil de encorajá-lo a voltar ao site mais tarde. Assim, lembre-se de atualizar o catálogo de produtos com regularidade (uma vez por dia, pela recomendação do Facebook).

     


    Conclusão

    No final, não há certo ou errado quando se trata de optar por usar um direcionamento de público amplo para os seus anúncios dinâmicos. O melhor é descobrir o que funciona para o seu negócio, experimentando todos os métodos disponíveis. Também vale notar que você provavelmente terá de usar certos parâmetros de direcionamento, mesmo quando estiver tentando encontrar novos públicos. Faça isso da mesma forma pela qual o Facebook continua a aprender e otimizar onde e quando os seus anúncios obtêm maior retorno. Mas, isto dito, é inevitável que haja acertos e mudanças, não importa qual o método escolhido.

    Se você é um comerciante online que quer aproveitar o potencial total do direcionamento do Facebook e tiver achado este post útil, você provavelmente vai gostar do nosso e-book 9 técnicas para aumentar o ROI dos anúncios do Facebook. Faça download dele aqui e descubra como melhorar a qualidade do seu feed e de suas campanhas.

     

    New Call-to-action